PRODUTOS ADICIONADOS NO CARRINHO
Carrinho Vazio
06/07/2021

Como Abrir uma Loja Virtual do Zero em 7 Passos

Como Abrir uma Loja Virtual do Zero em 7 Passos

Se você não sabe como abrir uma loja virtual, literalmente, do zero, não se preocupe. Nós criamos um passo a passo simples dividido em 7 etapas fundamentais para você ter a sua loja virtual própria.

E as últimas etapas são importantes para esclarecer como gerar tráfego o suficiente para a sua loja vender na internet.

Afinal, de nada adianta ter uma loja virtual sem tráfego. É necessário aumentar o número de visitas por lá para conseguir vender e escalar a sua empresa

 

1- Escolha um nicho

A escolha do nicho é muito importante para criar uma loja virtual do zero. Mas, se você já vende no varejo físico, pode utilizar os mesmos produtos no Ecommerce. 

Por outro lado, caso você ainda não tenha um nicho definido, é importante que faça uma pesquisa sobre isso. 

A ideia é entender qual nicho você mais gosta e deseja atuar, pesquisar sobre como está a demanda no varejo digital… Esses detalhes vão te ajudar na definição do nicho.

Essas aqui são algumas categorias que estão em alta no Ecommerce:

  • Moda;

  • Cosméticos

  • PetShop;

  • Artesanato;

  • Papelaria;

  • Produtos personalizados.

2- Defina um nome

Nessa etapa, vamos seguir o mesmo conselho: caso já tenha uma loja física com um nome interessante, basta utilizar o mesmo no Ecommerce.

Mas se ainda não tem um nome definido, opte por nomes simples e objetivos para que os clientes entendam e lembrem facilmente da sua marca.

Outra dica também é colocar um nome que tenha relação com o seu nicho para ficar mais fácil do cliente memorizar.

Mas isso não significa que você não possa ser criativo e definir um nome fora da curva… 

Essa também é uma opção para se destacar no mercado. 

3- Garanta o domínio da sua marca

Para ter a url da sua loja virtual com o nome da sua marca, é necessário registrar o domínio. Ex: a2rtecnologia.com.  

Vale ressaltar que o site é o endereço da sua empresa. Por isso, é importante garantir o domínio com o nome da sua loja para que outra pessoa não use o mesmo domínio antes de você.

E o ideal é que você escolha as extensões “.com” e “.com.br”, pois elas vão ser mais comuns e fáceis de lembrar.

4- Tenha uma Plataforma de Ecommerce

A plataforma é o sistema responsável pela criação de uma loja virtual, que é o site da sua empresa. 

É ela que vai gerenciar os meios de pagamento, os produtos, os pedidos, a logística…  

Ou seja, vai ser a sua estrutura tanto para o layout externo que os clientes acessam, tanto para você, como administrador, que consegue ver todas as ferramentas! 

Nós recomendamos a plataforma de Ecommerce Tray. Além disso, nós temos um cupom PARCEIROS20 para ter 20% de desconto em sua primeira mensalidade . Clique aqui para utilizar.

5- Faça categorias para os seus produtos

Ao criar a sua loja virtual, o primeiro passo é organizar os seus produtos dentro da loja por categorias e subcategorias. 

Você já deve ter visto em alguns sites uma barra lateral com diversas categorias de acordo com o nicho vendido pela loja… 

Por exemplo, vamos supor que você vende moda feminina. No seu site, provavelmente, teria categorias de camisas, blusas, saias, calças… 

Tudo bem dividido, melhorando a experiência do cliente.

Dessa forma, fica muito mais fácil para que as pessoas achem os produtos no site.

6- Configure os meios de pagamento e envio

Os meios de pagamento são intermediadores da transação de pagamento entre o consumidor e a sua loja.

 Inclusive, a Tray oferece uma gama de opções de integração com os meios de pagamentos mais populares do mercado…

E, para começar a vender na internet, a melhor opção é optar pelos meios de pagamento que as pessoas confiam, como PagSeguro, Mercado Pago ou Yapay.

Isso vai passar credibilidade, quebrando possíveis objeções de vendas comuns entre pequenos e médios empreendedores.

7- Configure os Meios de Envio

 Para quem está começando, a opção de envio mais viável é pelos Correios. Por lá, você pode negociar os valores diretamente nas agências dos Correios ou por meio de um contrato como pessoa jurídica, de modo que você terá acesso a uma tabela de preços mais barata. 

Mas, existem outras plataformas que permitem o acesso a outras transportadoras e também oferecem diferentes opções de preço, assim você pode optar pelo melhor custo-benefício.

Para saber mais sobre como criar uma loja virtual do jeito certo por meio de conteúdos mais densos, fale com um de nossos especialistas.